Agressor fica preso

Homem que socorreu turista continua em estado crítico

A.P.

Suspeito foi ouvido no Tribunal de Instrução Criminal do Porto que decretou prisão preventiva

Foto José Carmo / Global Imagens

O sem-abrigo que agrediu um homem de 63 anos com uma pedrada na cabeça no centro do Porto ficou em prisão preventiva. A vítima permanece internada em estado crítico.

O juiz do Tribunal de Instrução Criminal do Porto determinou ontem, quinta-feira, que o arguido, de 54 anos, vai aguardar o desenrolar do processo em prisão preventiva. Está indiciado de um crime de ofensa à integridade física grave qualificada.

A vítima, um homem de 63 anos que fora agredido violentamente com uma pedrada na cabeça, permanece internada nos cuidados intensivos do Hospital de São João, com prognóstico muito reservado.

Insultou e perseguiu turista francesa

Segundo foi possível apurar, o homem já tinha revelado uma personalidade conflituosa anteriormente. Na passada quarta-feira, na rua da Firmeza começou a insultar e a perseguir uma turista francesa de 29 anos que havia passado por ele. A mulher ficou com medo e refugiou-se no interior da Escola de Hotelaria do Porto. Um homem apercebeu-se da situação e foi em auxílio.

Abordou o sem-abrigo que, porém, reagiu violentamente e agrediu-o com uma pedrada na cabeça. O homem sofreu uma paragem cardiorrespiratória, estando internado com prognóstico muito reservado.

Testemunhas que conheciam o suspeito por já ter provocado desacatos anteriores descreveram-no às autoridades e ele acabaria por ser intercetado pela PSP pouco depois. Dado o grave estado da vítima, acabaria por ser entregue à Polícia Judiciária, que o deteve.

Relacionadas