MP

Mulher acusada de tentar matar outra no Porto

Foto Nuno Pinto Fernandes/ Global Imagena/arquivo

O Ministério Público (MP) acusou uma mulher de tentar matar outra, em novembro de 2020, na zona da Pasteleira, no Porto, anunciou a Procuradoria-Geral Regional do Porto (PGRP).

Em nota publicada na página da Internet, a PGRP explica que a arguida, "movida por ciúmes", combinou um encontro com a ofendida no parque da zona da Pasteleira, "levando consigo um instrumento cortante".

"Que, depois, usou para desferir diversos golpes no corpo da vítima, atentando contra a vida desta, só não lhe provocando a morte pela intervenção das amigas que acompanhavam a vítima que a socorreram", refere a acusação, citada pela PGRP.

Além disso, "a arguida tinha na sua residência produto estupefaciente e quantias monetárias que lhe foram apreendidas aquando das buscas, dedicando-se, também, ao tráfico de estupefaciente".

A mulher está acusada de homicídio na forma tentada e de tráfico de estupefacientes.

A acusação foi deduzida em 18 de outubro e esteve a cargo do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) do Porto (10ª secção).