Salvaterra de Magos

Sexagenário cultivava canábis em terreno agrícola

R. B. M.

Foto Gnr

Investigação da GNR concluída com três buscas. Homem dedicava-se ao tráfico e foi detido.

Um sexagenário foi detido por cultivar, no seu próprio terreno, plantas de canábis de grande dimensão. Residente em Marinhais, no concelho de Salvaterra de Magos, o homem também se dedicava à secagem, acondicionamento e venda da droga a toxicodependentes.

A detenção foi realizada pelo Núcleo de Investigação Criminal de Coruche da GNR, que demorou um mês a recolher provas do crime cometido pelo indivíduo, com 62 anos. Nessas diligências, os militares descobriram que "o suspeito cultivava plantas de canábis num terreno agrícola e, posteriormente, preparava o produto estupefaciente, desde a fase de plantação, germinação, secagem e até ao seu acondicionamento para venda ao consumidor".

Nas três buscas efetuadas, a GNR, que mobilizou brigadas cinotécnicas e o Destacamento de Intervenção de Santarém, apreendeu mais de mil doses de canábis, 75 sementes desta droga e ainda quatro plantas de canábis em elevado estado de maturação.