Crime

Assaltante aos tiros em papelaria na Maia só levou 20 euros

Assaltante aos tiros em papelaria na Maia só levou 20 euros

Um homem armado assaltou, ao final da tarde de terça-feira, uma papelaria na Avenida D. Manuel II, na Maia. Acabou por fugir com apenas 20 euros.

O assalto ocorreu pouco depois das 19 horas, quando os dois funcionários, uma mulher, de 39 anos, e um homem, de 49, saíam do estabelecimento, a papelaria Amanhecer 2, pela porta das traseiras, que dá para a Rua Joaquim Teixeira de Almeida, uma artéria sem saída.

O assaltante, de máscara e capuz, apontou uma arma às vítimas e conseguiu roubar a carteira da mulher, com documentos e 20 euros.

O colega fugiu e o indivíduo efetuou alguns disparos, um dos quais atingiu a montra de uma lavandaria. Acabou ele também por abandonar o local, enquanto a vítima pedia socorro.

Apesar de o estabelecimento estar localizado junto de uma principais vias da Maia, e junto a dois restaurantes e um café, o facto de o assaltante ter atacado nas traseiras do prédio onde a papelaria funciona, levou a que ninguém se tenha apercebido do assalto até aos disparos e aos gritos de socorro.

No local esteve a PSP da Maia, tendo sido acionada a Polícia Judiciária, que irá agora investigar o assalto.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG