Roubos

Assaltantes disparam à chegada da GNR a bomba de gasolina

Assaltantes disparam à chegada da GNR a bomba de gasolina

Quadrilha roubou três bombas de gasolina durante a madrugada desta segunda-feira. Em Penafiel, guardas foram recebidos a tiro depois de responder a alerta.

Uma patrulha da GNR foi recebida a tiro de caçadeira à chegada a umas bombas de gasolina, que estavam a ser assaltadas, em Penafiel. Os disparos não provocaram feridos, nem danos na viatura da Guarda, mas permitiram a fuga de uma quadrilha que, na madrugada desta segunda-feira, roubou outras duas gasolineiras, situadas em Castelo de Paiva e em Arouca. A Polícia Judiciária está a investigar o crime.

O primeiro assalto ocorreu pelas 3 horas, num estabelecimento situado em Cabeça Santa, à face da Estrada Nacional 106, que atravessa a parte sul do concelho de Penafiel. Os quatro homens, encapuzados e armados, pararam a viatura, arrombaram a porta da loja de conveniência e preparavam-se para roubar um cofre e diversos produtos que ali se encontravam.

Todavia, o sistema de alarme do estabelecimento alertou a GNR que, de imediato, acionou uma patrulha que, àquela hora, estava a uma curta distância da gasolineira. Os guardas dirigiram-se, então, para o local, no entanto quando se aproximavam das bombas de gasolina foram surpreendidos com disparos de caçadeira, efetuados por um dos assaltantes que se encontrava de vigia. Os militares decidiram, nessa altura, continuar a marcha e só parar o carro depois de passar o local do crime. Quando, instantes depois, regressaram às bombas de gasolina já os ladrões tinham fugido, deixando para trás o cofre e outros bens de valor.

De Penafiel, o bando seguiu em direção a Castelo de Paiva para, às 4:20 horas, assaltar outra bomba de gasolina. Localizado em Pedorido, o espaço também foi arrombado, mas desta vez a GNR não teve tempo de surpreender os criminosos ainda no local do crime. O grupo conseguiu, assim, dirigir-se para Escariz, já no concelho de Arouca e a mais de 35 quilómetros de distância de Cabeça Santa. Aqui, realizaram um terceiro assalto, seguido de uma nova fuga.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG