O Jogo ao Vivo

Lisboa

Assaltou condutora e roubou-lhe o carro porque o comboio atrasou

Assaltou condutora e roubou-lhe o carro porque o comboio atrasou

Um homem insatisfeito com o atraso de um comboio de Lisboa para Sintra é suspeito de ter roubado um carro a uma mulher parada junto à estação, na capital, para chegar mais depressa ao destino.

O caso aconteceu a 14 de julho de 2022 e o alegado assaltante, de 42 anos, foi agora detido pela PSP. Já está, por decisão do tribunal, a aguardar o desenrolar do processo em prisão preventiva.

De acordo com o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP (Cometlis), o homem tinha estado numa estação de Lisboa a aguardar pelo comboio da CP para Sintra, mas decidiu sair do espaço ao constatar que este tinha atrasado. Terá sido então que se apercebeu de que uma mulher, de 53 anos, estacionara o automóvel ali perto.

PUB

"O suspeito ameaçou-a encostando um x-ato à cara e obrigou-a a abandonar o carro, levando a viatura e a mala da vítima com documentos e valores na ordem dos 3 800 euros", acrescenta a força de segurança. Em seguida, dirigiu-se para a região de Sintra.

Bateu ao fugir à PSP

Nos dias seguintes, o homem terá continuado a usar o veículo, e, numa ocasião, terá mesmo sido perseguido pela PSP, acabando por ter um acidente que inutilizou a viatura. Conseguiu, ainda assim, fugir.

Apesar disso, as autoridades ficaram, então, com a sua identificação, tendo sido emitido pelo Ministério Público de Lisboa um mandado para a sua detenção fora de flagrante delito, executado na segunda-feira pela Divisão de Investigação Criminal do Cometlis.

"Já com um vasto historial de detenções e condenações pelo crime de roubo", o suspeito acabou por ficar preso preventivamente.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG