O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Autoridades portuguesas e francesas negam conflito por Rui Pinto

Autoridades portuguesas e francesas negam conflito por Rui Pinto

Autoridades portuguesas e francesas negam conflito por Rui Pinto, que aceita colaborar com MP francês, mas ainda não foi abordado.

O Ministério Público (MP) francês desmente a existência de atritos com as autoridades portuguesas por causa de Rui Pinto, fundador do Football Leaks, e garante que os inquéritos a seu cargo estão "em curso". Em Portugal, a Procuradoria-Geral da República também rejeita problemas e fala em "contacto permanente". Mas, até ao momento, o pirata/denunciante ainda não prestou ao MP francês a colaboração que diz estar disponível para prestar, mas que depende da intermediação do MP português.

Antes de ser detido na Hungria, Rui Pinto estava a colaborar com as autoridades judiciárias francesas, ajudando-as numa investigação que visava o financiamento ilegal de clubes detidos por magnatas árabes. Em 2019, Pinto facultara parte dos milhares de ficheiros na sua posse sobre aquele tema, mas manteve os restantes dados encriptados. Os franceses e Rui Pinto estariam então a negociar um acordo formal de colaboração, quando este foi detido em Budapeste, ao abrigo de um mandado de detenção europeu emitido a pedido de Portugal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG