Algarve

Barco intercetado pela GNR com 1,4 toneladas de haxixe no Guadiana

Barco intercetado pela GNR com 1,4 toneladas de haxixe no Guadiana

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC) da GNR intercetou este domingo de madrugada uma embarcação no rio Guadiana, junto à Foz de Odeleite, no concelho de Castro Marim, com 1,4 toneladas de haxixe, anunciou a força de segurança.

Dois homens foram detidos. É a segunda operação do género na região em menos de um dia, num total de quase três toneladas apreendidas.

No sábado, foram apreendidos 43 fardos de haxixe e detidos também dois homens pela Polícia Judiciária, em Tavira.

Na ação deste domingo, militares do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Vila Real de Santo António, em colaboração com a Guardia Civil, intercetaram uma embarcação suspeita no rio Guadiana, junto à margem espanhola e perto da localidade portuguesa de Foz de Odeleite.

"A embarcação semirrígida, com três motores de alta potência, continha no seu interior 42 fardos de haxixe. Perante a presença da GNR, os tripulantes da embarcação encetaram fuga para a margem espanhola", explica a UCC.

A Guardia Civil acabou por deter dois suspeitos e apreender um veículo. "A embarcação intercetada e os fardos de haxixe foram também entregues às autoridades espanholas, no âmbito da investigação levada a cabo por aquela força de segurança", acrescenta a GNR.

Na madrugada de sábado, a Diretoria de Faro da PJ apreendeu 43 fardos de haxixe numa embarcação ao largo da praia do Barril, em Tavira. Dois homens, portugueses, com cadastro por tráfico de droga, foram detidos e estão em prisão preventiva. A ação também contou com a colaboração da UCC.

Outras Notícias