Exclusivo Edição Impressa

Bebé retirado à mãe ainda no hospital

Bebé retirado à mãe ainda no hospital

Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Matosinhos mandou institucionalizar criança, mas a mãe vai lutar no tribunal.

Uma jovem mãe solteira de Leça da Palmeira ficou sem o bebé ainda na maternidade do Hospital de Pedro Hispano, em Matosinhos, seis dias após ter dado à luz a criança num parto complicado que durou dez horas, no início deste mês. Com o argumento de que tinha pouco leite e falta de amor e vontade de cuidar da criança, a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Matosinhos decidiu sozinha mandar o recém-nascido para uma instituição, apenas com o consentimento de uma mãe traumatizada e assustada e sem qualquer apoio judiciário, como aconselha a lei. A jovem está triste e revoltada e quer a criança de volta, no que é apoiada pela mãe, com quem vive.

Leia mais na versão e-paper ou na edição impressa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG