Football Leaks

Bruno de Carvalho retira queixa contra Rui Pinto: "Temos de lhe tirar o chapéu"

Bruno de Carvalho retira queixa contra Rui Pinto: "Temos de lhe tirar o chapéu"

Bruno de Carvalho desistiu, esta quinta-feira, da queixa que apresentara por violação de correspondência, a título pessoal, contra Rui Pinto por este ter, alegadamente, acedido à sua caixa de correio eletrónico quando era presidente do Sporting.

A ação terá ocorrido a 21 de julho de 2015 e a queixa foi apresentada em 2019, quando foi informado pela Polícia Judiciária de que o seu e-mail fora invadido pelo hacker autointulado denunciante.

A intenção foi formalizada ao testemunhar, em Lisboa, no julgamento de Rui Pinto, depois de o advogado do arguido lhe ter perguntado se o iria fazer.

Momentos antes, o ex-dirigente leonino "tirara o chapéu" à ação do gaiense, de 31 anos, criador assumido, em 2015, do site Football Leaks. "Temos de tirar o chapéu ao Rui Pinto, porque os processos começam a aparecer e começa a haver acusações", disse o antigo presidente do Sporting, sublinhando o papel do arguido na "moralização" do futebol na "verdade desportiva".

Rui Pinto está a ser julgado, no total, por 90 crimes, entre os quais 14 de violação de correspondência. A desistência agora formalizada não interfere com as outras queixas apresentadas por elementos do. Sporting ou em nome da instituição.

Em tribunal, o arguido garantiu ter feito tudo o que fez por "um bem maior".

Outras Notícias