Exclusivo

Burla com carros elétricos: Mobilize pondera avançar para tribunal

Burla com carros elétricos: Mobilize pondera avançar para tribunal

A Mobilize Financial Services Portugal (MFS Portugal) diz que já recebeu 18 reclamações e, "face à dimensão da alegada fraude", as filiais estrangeiras ponderam ir para tribunal.

A responsabilidade do bloqueio das baterias de carros elétricos é do país de origem (nuns casos a França, noutros Alemanha), afirma a MFS Portugal, dizendo que só soube do caso através dos novos donos dos veículos. Tanto a MFS Portugal como as filiais francesa e alemã tentaram contactar a E-Drive Option e a importadora, a Famaburgo, "não tendo obtido qualquer resposta".

Lembra ainda que, ao abrigo do contrato de aluguer, em caso de exportação da viatura, "o vendedor tem a obrigação de informar o novo comprador que a bateria está sujeita a contrato de aluguer, que passará a ser gerido pelo país de destino, no caso pela MFS Portugal".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG