Interpol

Cérebro de fraude de milhões preso em Esposende

Cérebro de fraude de milhões preso em Esposende

Empresário espanhol a viver em Esposende há um mês era um dos fugitivos mais procurados pela Interpol.

José Manuel Costas, um empresário de Vigo, na Galiza, foi detido pela Unidade de Investigação e Informação Criminal da Polícia Judiciária, em colaboração com as autoridades espanholas. Condenado a seis anos de cadeia, estava na lista dos mais procurados da Interpol, por ser o cérebro de uma das maiores fraudes fiscais com faturas falsas naquele país.

O empresário espanhol estava a viver há cerca de um mês em Esposende. Na Galiza era dono de uma carpintaria, chamada "Las 5 Jotas", e terá lucrado com o esquema cerca de 11 milhões de euros, correspondentes ao dinheiro sacado ilegalmente ao Fisco com faturas falsas no valor de 150 milhões de euros.

PUB

José Manuel Costas havia fugido em julho de 2016, após a condenação. A "caça ao homem" estendeu-se um pouco por toda a Europa, embora houvesse fortes suspeitas de que estivesse no nosso país. Foi levado, este sábado, ao Tribunal da Relação do Porto, mas será a Relação de Guimarães, com competência geográfica, a decidir sobre a sua extradição para Espanha.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG