Beja

Condenado a 14 anos de prisão por matar amigo à facada

Condenado a 14 anos de prisão por matar amigo à facada

Manuel Santos, o homicida confesso do amigo Francisco Ferro, foi na tarde desta sexta-feira condenado a 14 anos de prisão pelo crime de homicídio simples. Os dois filhos vão receber 110 mil euros de indemnização.

"Blé Açorda", como é conhecido, de 59 anos, foi absolvido dos crimes de homicídio qualificado agravado e de detenção de arma proibida, tendo o coletivo de juízes "seguido" a proposta do procurador do Ministério Público relativa à qualificação do homicídio e condenado o arguido à pena de 14 anos, a dois do limite máximo do previsto no tipo de crime.

Os filhos pediam 105 mil euros de indemnização cada um, acabando a juíza presidente, Ana Batista, por atribuir 110 mil euros no total. O arguido vai continuar em prisão preventiva a aguardar o trânsito em julgado do acórdão.

O crime ocorreu cerca das 13.30 horas do dia 26 de maio do ano passado, na casa do arguido, em Beja. A vítima foi atingida com seis facadas na zona do tórax e abdómen, que lhe perfuraram o pulmão e o diafragma do lado direito, causando-lhe a morte. Depois, saiu de casa e entregou-se na Esquadra da PSP da cidade, onde confessou o crime.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG