Sentença

Condenado a 19 anos de prisão por matar brasileiro em Alfama

Condenado a 19 anos de prisão por matar brasileiro em Alfama

Um homem de 27 anos foi condenado a 19 anos de prisão por um crime de homicídio qualificado e posse de arma proibida. Em julho do ano passado, em Lisboa, matou com dois tiros um brasileiro de 23 anos com quem tinha desentendimentos.

O crime ocorreu a 6 de julho de 2021, em Alfama. O arguido e Luiz Henrique Froede mantinham um diferendo há algum tempo. Nessa madrugada, o arguido disparou vários tiros para o ar em jeito de ameaça ao rival, perto da sua casa, em Alfama. A vítima apercebeu-se e foi tirar satisfações.

Luiz Henrique deslocou-se até à casa do arguido e, após várias pancadas e pontapés na porta, conseguiu entrar na habitação. Discutiram e, perante a aproximação do brasileiro, o arguido empunhou a arma e disparou dois tiros à queima-roupa atingindo-o no tórax e na cabeça. De seguida, colocou-se em fuga.

PUB

Populares que se aperceberam do ocorrido auxiliaram o baleado e chamaram os meios de emergência. Foi transportado para o Hospital de S. José, onde viria a falecer dias depois, em consequência dos danos provocado pelos disparos.

O arguido colocou-se em fuga, mas apresentou-se às autoridades no dia seguinte. Ficou sujeito a apresentações periódicas.

Na última terça-feira, 22 de novembro, o Tribunal Central Criminal de Lisboa condenou-o a 19 anos de prisão e ao pagamento de uma indemnização de 20 mil euros ao pai da vítima e de mais de 36 mil euros ao Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Central, na sequência de pedidos de indemnização cível.

A investigação foi dirigida pelo Ministério Público do DIAP de Lisboa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG