França

Condutor de carrinha acidentada em França arrisca dez anos de prisão

Condutor de carrinha acidentada em França arrisca dez anos de prisão

O condutor e o proprietário da carrinha implicada no acidente que matou 12 emigrantes na semana passada, próximo de Lyon, em França, estão detidos desde a manhã de terça-feira e poderão ser presentes esta tarde ao procurador da República de Moulins. O jovem arrisca pena de prisão até dez anos e multa até 150 mil euros.

Ricardo Videira, de 19 anos, e o tio, Arménio Pinto, de 35, que poderão ser acusados de homicídio involuntário, saíram sob custódia da unidade psiquiátrica do Centro Hospitalar Moulins-Yzeure, e foram conduzidos à "Gendarmerie" em Moulins, onde foram interrogados pelos investigadores no inquérito ao acidente.

Leia mais na edição e-paper ou na edição impressa.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG