O Jogo ao Vivo

Premium

Corrupção: Conselho Superior da Magistratura recusa rever decisões de juízes

Corrupção: Conselho Superior da Magistratura recusa rever decisões de juízes

Bastonário dos advogados critica passividade perante suspeitas de corrupção. E apela também ao poder político.

O Conselho Superior da Magistratura (CSM) recusa tomar qualquer iniciativa com vista a uma eventual revisão de centenas de acórdãos proferidos, na Relação de Lisboa, em circunstâncias que justificaram agora a acusação de três juízes por crimes cometidos, presumivelmente, no exercício de funções.

"Trata-se de matéria estritamente jurisdicional", justifica o órgão de gestão e disciplina dos juízes. O bastonário dos Advogados, Luís Menezes Leitão, discorda e exorta o CSM a avançar com uma sindicância sobre os processos em questão.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG