Lisboa

Cuidador furtou cartão de idosa e deixou-a com 18 cêntimos na conta

Cuidador furtou cartão de idosa e deixou-a com 18 cêntimos na conta

A PSP deteve, em Lisboa, um cuidador que furtou o cartão bancário de uma idosa e levantou 430 euros, deixando a vítima com 18 cêntimos na conta. Apesar de apenas estar a residir em Portugal desde maio deste ano, já havia feito o mesmo a outro idoso.

O cuidador, de 32 anos e cidadão estrangeiro, cuidava de uma idosa, de 85 anos e da filha, com 50 anos, portadora de doença incapacitante, residentes em Marvila, Lisboa. O arguido, após acompanhar a idosa às compras, ficou a conhecer o código do cartão.

"Ainda nesse dia, momentos antes de abandonar a residência, furtou o cartão a lesada e dirigiu-se ao multibanco onde procedeu a dois levantamentos de 200 euros, cada. Após a meia-noite, voltou ao multibanco procedendo ao levantamento de 30 euros, deixando na conta da lesada apenas 18 cêntimos", revelou, esta quinta-feira, a PSP.

PUB

A lesada dirigiu-se à esquadra e denunciou os factos bem como as suspeitas sobre o recente cuidador da família. "Ficou patente na denúncia que lhe foi furtada toda a quantia monetária que teria disponível para os gastos diários, bem como, para os medicamentos da sua filha, ficando assim em graves dificuldades financeiras até receber novamente a pensão", sublinhou a Polícia.

O suspeito foi identificado e conduzido à esquadra e, numa busca domiciliária, foi encontrado o cartão da idosa, bem como o dinheiro furtado, escondido no calçado do suspeito.

"Na continuidade da pesquisa e análise de informação foi possível verificar que o suspeito, apesar do pouco tempo a residir em Portugal, já teria efetivado crimes semelhantes enquanto cuidador de um outro idoso", revelou a PSP.</p>

O homem foi detido através de mandado de detenção fora de flagrante delito e ouvido em primeiro interrogatório judicial, ficou em prisão preventiva.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG