Premium

Deita filha na cama e volta a esfaquear ex-mulher

Deita filha na cama e volta a esfaquear ex-mulher

Homem de 51 anos começa este mês a ser julgado no Tribunal de Vila Real. Convenceu-se de que a mulher tinha um caso com colega de trabalho.

Convencido de que a ex-companheira tinha um caso com um colega de trabalho e por não aceitar o fim da relação, esfaqueou-a diversas vezes no pescoço. A filha, de três anos, assistiu ao primeiro golpe e o homicida foi deitá-la antes de continuar a atacar a vítima. O homem, preso desde setembro do ano passado, começa este mês a ser julgado no Tribunal de Vila Real por tentativa de homicídio. A vítima ficou permanentemente desfigurada mas sobreviveu.

Foi depois da passagem de ano de 2018/2019 que Jorge começou a mostrar-se ciumento. De acordo com a acusação do Ministério Público, tinha ciúmes das conversas que a mulher mantinha com homens no restaurante onde trabalhava. Três meses depois, convenceu-se de que a companheira tinha uma relação com um colega de trabalho. Nada disso era verdade, mas as suspeitas levaram o casal a deixar de partilhar a cama. Jorge dormia no sofá.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG