Premium

Deixaram idosos na miséria e gastaram 10 mil euros em dois casacos

Deixaram idosos na miséria e gastaram 10 mil euros em dois casacos

Cerca de 10 idosos, com mais de 70 anos, caíram na miséria após entregarem as poupanças das suas vidas ao pai de um militar da GNR de Fafe, preso preventivamente desde a semana passada na Casa de Reclusão Militar de Tomar.

Em contraste com a situação de penúria das vítimas, passando dificuldades até para comprar medicamentos, a candidata a juíza Soraia Ribeiro e o guarda da GNR Sérgio Ribeiro gastavam cada vez mais dinheiro: compravam viaturas de gama alta, frequentavam os restaurantes mais caros do país e passaram vários períodos de férias em alguns dos destinos mais caros do Mundo. Estavam a negociar uma vivenda com piscina por 1,5 milhões e até compraram dois casacos, por 10 mil euros, a Paulo Battista, conhecido "alfaiate dos famosos".

O casal não evidenciava ter qualquer receio de investigações criminais. De acordo com informações recolhidas pelo JN, na semana passada, quando foi detida, a candidata a juíza manifestou-se surpreendida com a busca da PJ de Braga à sua residência. Invocou inicialmente tratar-se de engano e teve de ser o juiz de instrução, Pedro Miguel Vieira, a desfazer o equívoco.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG