O Jogo ao Vivo

Violência

Desacatos à porta de discoteca em Santo Tirso terminam com um baleado

Desacatos à porta de discoteca em Santo Tirso terminam com um baleado

Cerca de duas dezenas de indivíduos envolveram-se em desacatos, ao início da manhã de segunda-feira, com os seguranças da discoteca Pedra do Couto, em Santo Tirso. Um dos clientes terá ido ao carro buscar uma arma, com a qual efetuou diversos disparos, atingindo inadvertidamente nas costas um amigo, de 22 anos. Uma das viaturas do grupo foi encontrada pela GNR abandonada na A3.

O alerta para a PSP foi dado cerca das 7 horas de segunda-feira e dava conta de desacatos envolvendo um grupo com perto de 20 jovens e os seguranças da discoteca, uma das mais antigas em funcionamento na zona norte do país.

Quando os polícias chegaram ao local, já o grupo havia fugido e as informações recolhidas indicavam que haviam sido efetuados diversos disparos e que haveria uma pessoa ferida.

PUB

Ainda de manhã, deu entrada no Hospital de S. João um homem, com 22 anos, com ferimentos nas costas provocados por um disparo de arma de fogo.

Entretanto, e por se tratar de uma zona de fronteira entre duas polícias, a GNR colaborou com a PSP em tempo real através do Núcleo de Investigação Criminal de Santo Tirso e do Destacamento de Trânsito do Porto.

E foi graças a esta colaboração que a GNR encontrou abandonada na A3, uma viatura onde seguiriam alguns dos intervenientes nos desacatos. Passaram para outro carro, intercetado pouco depois na autoestrada, tendo a GNR identificado três homens e duas mulheres.

Por envolver armas de fogo, o caso vai agora ser investigado pela Polícia Judiciária.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG