Exclusivo

Designer julgado por se masturbar à frente de escolas e infantários

Designer julgado por se masturbar à frente de escolas e infantários

Desenhador gráfico de 30 anos foi acusado de 32 crimes de abuso sexual em estabelecimentos de Braga e Barcelos. Julgamento arranca esta semana.

Um desenhador gráfico, de 30 anos, começa a ser julgado nesta segunda-feira, em Braga, por ter sido visto a masturbar-se à frente de crianças, com idades entre quatro e 11 anos, junto de quatro escolas primárias e dois infantários, em Braga e em Barcelos. Vai responder por 32 crimes de abuso sexual de crianças, 12 dos quais na forma tentada.

O arguido foi reconhecido por várias crianças como sendo o homem que parava junto das grades dos estabelecimentos de ensino e se masturbava, incomodando-as. Numa dessas ocasiões, uma das meninas, de dez anos, chamou-lhe mesmo "porco", afastando dali a irmã e algumas colegas, mais novas. As funcionárias do estabelecimento só tiveram tempo para apontar a matrícula do carro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG