Caminha

Detido por atear fogo em automóvel e habitação por vingança

Detido por atear fogo em automóvel e habitação por vingança

A Polícia Judiciária deteve um homem de 66 anos pela alegada autoria de um incêndio num automóvel e numa habitação, em dezembro de 2019, numa freguesia de Caminha, distrito de Viana do Castelo.

Em comunicado divulgado esta quinta-feira, o Departamento de Investigação Criminal de Braga adiantou que o homem, reformado e residente no concelho de Ponte de Lima, também no distrito de Viana do Castelo, "atuou num quadro de vingança e perseguição, tendo utilizado um produto inflamável e chama direta para deflagrar o incêndio".

O incêndio, de "origem dolosa", ocorrido na madrugada de 27 de dezembro de 2019, "teve início numa viatura automóvel que se encontrava parqueada no logradouro junto à habitação, propagando-se o fogo a esta, causando danos consideráveis, existindo possibilidade de se propagar a todo o edifício".

O homem, de 66 anos de idade, foi presente a um juiz do tribunal de Caminha, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão domiciliária.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG