Vizela

Detido suspeito de atear fogo devido a amor não correspondido

Detido suspeito de atear fogo devido a amor não correspondido

Um homem suspeito da autoria de um crime de fogo posto no terreno de uma mulher, em Vizela, devido a um caso de amor não correspondido foi detido pela Polícia Judiciária de Braga.

O suspeito, José Manuel, terá provocado um foco de incêndio, supostamente para chamar a atenção da mulher, mas só não atingindo maiores proporções, devido ao sinistro ter sido detetado em cima da hora.

Apresentado ao juiz de instrução criminal no Palácio da Justiça de Guimarães, ficou proibido de contactar com a vítima e de se aproximar da sua propriedade, para além de ter que se apresentar periodicamente na GNR de Vizela.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG