Covid-19

Devia estar em isolamento mas a GNR apanhou-o na rua em Carrazeda de Ansiães

Devia estar em isolamento mas a GNR apanhou-o na rua em Carrazeda de Ansiães

O comando territorial da GNR de Mirandela apanhou em flagrante um homem de 60 anos que violou o isolamento profilático ao qual estava obrigado pela autoridade de saúde pública, pelo facto de ter estado em contacto com um paciente que testou positivo para a covid-19.

No âmbito da vigilância ativa direcionada para os casos sinalizados pelas autoridades de saúde (infetados com o novo coronavírus e rede de contactos), o comando territorial da GNR de Mirandela encontrou o homem fora da sua residência a efetuar trabalhos agrícolas. Foi notificado para comparecer em tribunal, após terminar o período de isolamento, e será constituído arguido.

A GNR refere que, já na passada quarta-feira, recebeu uma denúncia de que o homem se tinha ausentado da sua residência, onde devia permanecer até sábado, dia em que termina o período de vigilância ativa por parte das autoridades de saúde.

Várias testemunhas confirmaram que o homem esteve a fazer compras num estabelecimento comercial, mas como não foi apanhado em flagrante, a GNR formalizou apenas um auto de notícia.

Já esta sexta-feira, conseguiu comprovar que o homem foi reincidente no incumprimento das normas estabelecidas pelas autoridades de saúde pública.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG