Exclusivo

Diretora de cadeia autoriza entrega de imagens pornográficas a detida

Diretora de cadeia autoriza entrega de imagens pornográficas a detida

A diretora da cadeia de Tires, Paula Ramos, autorizou que uma mulher detida preventivamente recebesse uma carta com fotografias pornográficas. As imagens foram retidas pelos guardas prisionais, que alegam que o regulamento foi violado.

A decisão está a gerar muitas críticas entre os guardas prisionais, que alegam a violação do artigo 37.º do Regulamento Geral dos Estabelecimentos Prisionais, que define o que um recluso pode ter na sua posse.

Segundo o JN apurou, uma mulher detida preventivamente por suspeita de burla recebeu, recentemente, uma carta com o remetente identificado. Como impõem as regras, a correspondência foi aberta e, nessa ocasião, os guardas prisionais da cadeia de Tires, em Cascais, verificaram que o envelope guardava quatro fotografias do corpo de um homem nu.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG