O Jogo ao Vivo

Moita

Disparou por vingança em cabeleireiro onde estavam criança e bebé

Disparou por vingança em cabeleireiro onde estavam criança e bebé

Um homem com 46 anos disparou contra seis pessoas que se encontravam num cabeleireiro na Moita para se vingar de duas pessoas que acreditava terem-lhe assaltado a habitação. No interior do cabeleireiro, encontravam-se bebé de seis meses e uma criança de 8 anos. Uma pessoa foi atingida na zona da coluna e foi transportada para o hospital, onde foi operada.

O caso aconteceu na sexta-feira passada e o suspeito foi agora detido pela Polícia Judiciária de Setúbal. Foi já presente a tribunal para aplicação de medidas de coação, tendo o juiz decidido pela sua libertação, mediante apresentações trissemanais à esquadra da sua residência. Está indiciado por crimes de homicídio qualificado, na forma tentada.

No final da tarde dessa sexta feira, dia 30 de outubro, o suspeito dirigiu-se a uma barbearia e cabeleireiro sedeada em Alhos Vedros, no concelho da Moita, com o intuito de se vingar de duas pessoas das quais suspeitava lhe terem assaltado a respetiva habitação.

Assim que o suspeito entrou no espaço, e num momento em que se encontravam seis pessoas no estabelecimento, entre as quais um bebé de seis meses e uma criança de 8 anos, empunhando uma arma de fogo, efetuou vários disparos para o interior, acabando por atingir, na coluna lombar, uma das pessoas, adultas, ali presentes, a qual teve que ser transportada ao hospital onde foi submetido a intervenção cirúrgica. O suspeito, após ter cometido o crime, colocou-se em fuga e foi agora detido.

Outras Notícias