O Jogo ao Vivo

Violência Doméstica

Dois homens presos por baterem na mãe e em avós em Sintra

Dois homens presos por baterem na mãe e em avós em Sintra

Dois homens, de 21 e 33 anos e sem relação entre si, ficaram, por decisão do tribunal, em prisão preventiva por terem alegadamente agredido e ameaçado as suas mães e avós, no concelho de Sintra.

Os suspeitos, indiciados por violência doméstica, foram detidos pela GNR na quarta-feira, 23 de junho, e na quinta-feira, 24 de junho, e já recolheram à cadeia, adiantou este sábado, em comunicado, aquela força de segurança.

Segundo a GNR, o homem de 21 anos é suspeito de ter batido e ameaçado com uma faca a mãe, de 53 anos, e o avô, de 71. Num dos vários episódios de violência, o agressor terá mesmo chegado a aplicar um golpe de "mata-leão" (estrangulamento por trás) ao idoso.

Já o homem de 33 anos, alcoólico e sem independência financeira, obrigaria, com recurso a violência física e psicológica, a mãe, de 55 anos, e a avó, de 73, a entregar-lhe dinheiro para satisfazer o seu vício.

"Os detidos foram presentes ao Tribunal Judicial de Sintra, onde lhes foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva, tendo sido conduzidos ao Estabelecimento Prisional de Lisboa", remata, na nota, a GNR.

A violência doméstica é um crime público e, por isso, pode ser denunciado por qualquer pessoa às autoridades. Existem ainda várias linhas de apoio à vítima, entre as quais o 800 202 148, disponível durante todo o ano, 24 horas por dia. A chamada é anónima, confidencial e gratuita.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG