Exclusivo

Empreiteiro de Baião lucra três milhões com faturas falsas

Empreiteiro de Baião lucra três milhões com faturas falsas

Empresário e dois cúmplices foram detidos pela Direção de Finanças do Porto. Líder obteve reembolsos de IVA com dez empresas-fantasma.

Um empreiteiro da construção civil de Baião foi detido, ontem de manhã, numa operação da Direção de Finanças do Porto, com a colaboração da Unidade de Ação Fiscal da GNR, por fraude fiscal e branqueamento de capitais. Com a ajuda de dois cúmplices, o suspeito terá construído uma rede de empresas que lhe passavam faturas falsas, para obter reembolsos de IVA. Ao todo, desde 2017, terá obtido, de forma fraudulenta, cerca de três milhões de euros. Hoje, é levado ao Tribunal de Penafiel para o primeiro interrogatório judicial.

Segundo informações recolhidas pelo JN, o empresário, Manuel C., de 48 anos, tinha duas empresas de construção civil de dimensão regional, na zona do Tâmega e Sousa. Mas, ao longo dos anos, também criou uma dezena de empresas de fachada, sem atividade.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG