O Jogo ao Vivo

Emails

F. C. Porto confirma Pinto da Costa e mais cinco administradores arguidos

F. C. Porto confirma Pinto da Costa e mais cinco administradores arguidos

O F. C. Porto confirmou, esta sexta-feira à noite, que Pinto da Costa e mais cinco administradores da SAD portista foram constituídos arguidos no caso dos emails do Benfica.

"Na sequência do esclarecimento hoje divulgado pelo DCIAP, a F. C. Porto - Futebol, SAD confirma a constituição como arguidos dos seus seis administradores, a quem é imputado o crime de ofensa a pessoa coletiva, na sequência de uma queixa do S. L. Benfica", pode ler-se em comunicado publicado no site dos dragões.

A nota esclarece que não foi imputada, a nenhum dos visados, a "participação em qualquer ato de acesso ilegítimo à correspondência eletrónica" do clube da Luz, ou de "divulgação pública" dos conteúdos em causa. E acrescenta que "a ninguém do F. C. Porto ou com ele relacionado foi imputada a suspeita de roubo dos emails" do Benfica.

Além dos seis administradores da SAD portista, também um funcionário do departamento de Informação e Comunicação do clube foi constituído arguido. A Diogo Faria, são-lhe imputados os "crimes de ofensa a pessoa coletiva e violação de correspondência", tal como aconteceu há meses com o diretor de Comunicação do F. C. Porto, Francisco J. Marques.

No comunicado, o clube salienta que "este caso nada tem a ver com o chamado processo dos e-mails, em que se investigam, entre outros crimes, atos de corrupção".