Exclusivo

Fadista morre com tiro no peito em discussão familiar

Fadista morre com tiro no peito em discussão familiar

José Luís "Pintarolas" morreu à porta de casa, em Chelas. Cunhada terá assumido autoria do crime, mas o principal suspeito é o filho desta mulher. Polícia Judiciária está a investigar.

Um fadista, com cerca de 40 anos, morreu baleado no peito, na quinta-feira à noite, durante uma discussão familiar à porta do prédio onde residia no Bairro do Condado, em Chelas, na zona oriental de Lisboa. José Luís, conhecido por "Pintarolas", ainda foi levado para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Pouco depois, uma cunhada terá dito às autoridades ser a autora do disparo fatal, mas há suspeitas, apurou o JN, de que tenha sido o filho desta, sem relação familiar com a vítima, a dar o tiro. A investigação do homicídio está a cargo da Polícia Judiciária (PJ).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG