Tribunal

Mulher filmada a encomendar morte do marido foi absolvida

Mulher filmada a encomendar morte do marido foi absolvida

A mulher filmada a encomendar a morte do marido foi, esta quinta-feira, absolvida.

Fernanda Salomé Oliveira também era acusada de duas tentativas de homicídio contra a nova namorada do ex e da sogra.

A mulher, que estava a ser julgada com um dos seguranças, também absolvido, deverá no entanto pagar uma indemnização ao ex-marido, um advogado de sucesso do Porto, de 10 mil euros por danos não patrimoniais.

PUB

Os juízes do Tribunal de S. João Novo, no Porto, deram como provado que a arguida encomendou a morte de António Quintas, mas que tudo não passou de uma tentativa de instigação.

Fernanda Oliveira estava acusada de, em 2013, ter oferecido 175 mil euros a Alfredo Damas, de 44 anos, também arguido, e ao segurança Fernando Teixeira, que filmou encontros conspirativos e denunciou o caso às autoridades.

Durante o julgamento, a mulher assumiu que só queria a "morte dele", mas negou que o objetivo fosse herdar a fortuna, avaliada em milhões de euros. Alegando estar muito deprimida porque o marido acabara de cortar a luz e água do apartamento onde vivia com os dois filhos, a arguida disse ainda que quem lhe deu a ideia foi o coarguido, Alfredo Damas, mas garantiu que nunca lhe passou pela cabeça mandar matar a sogra e a rival.

Os juízes do Tribunal de S. João Novo consideraram como não provado que a arguida quisesse a morte das duas mulheres.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG