Cáceres

Fuga em camião de pneus roubado em Lisboa terminou em Espanha

Fuga em camião de pneus roubado em Lisboa terminou em Espanha

Roubou camião em Lisboa, circulou em excesso de velocidade, fez inversão de marcha ilegal, abandonou veículo na autoestrada e ainda tentou fugir a pé. Foi intercetado em Espanha pela Guardia Civil e acusou cocaína.

Um homem de 38 anos furtou um camião articulado de pneus em Lisboa e já estava em Cáceres, a mais de 300 quilómetros de distância, quando foi detido após um camionista amigo do dono do veículo o ter denunciado. Antes de ser detido, cometeu várias infrações rodoviárias graves que poderiam ter terminado em tragédia.

O caso rocambolesco ocorreu na passada semana, conta a imprensa espanhola. Um camião articulado, carregado de pneus novos no valor de 216 mil euros, foi furtado em Lisboa. Horas depois, já do outro lado da fronteira, um camionista amigo do proprietário do veículo reconheceu o camião a circular na A-5 em direção a Madrid. Como não conhecia o motorista, ligou ao amigo. Este disse-lhe que o veículo tinha sido roubado em Lisboa. Ele alertou logo a Guardia Civil.

PUB

Inverte marcha, larga camião na autoestrada e foge a pé

Os agentes detetaram o camião a circular em excesso de velocidade e tentaram intercetá-lo. O condutor não obedeceu e aproveitou uma área de serviço para fazer uma inversão de marcha ilegal, rumando de volta a Badajoz. Porém, pouco depois, abandonou o camião, ocupando quase toda a faixa direita, e tentou fugir a pé.

Graças à rápida autuação dos guardas do posto de Torrecillas de la Tiesa e do Destacamento de Trânsito de Navalmoral de la Mata, o homem foi apanhado e detido. Após ser submetido a testes de álcool e drogas acusou cocaína no sangue.

Está indiciado de um crime de furto de veículo e quatro crimes de atentado à segurança rodoviária - condução temerária, provocar risco grave à circulação, conduzir sob a influência de drogas e conduzir sem habilitação legal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG