GNR

Furtavam pneus durante a expedição na Continental de Famalicão

Furtavam pneus durante a expedição na Continental de Famalicão

Há vários meses que ocultavam os pneus no sistema de logística e desviavam-nos durante a expedição mas acabaram descobertos depois da empresa de Famalicão ter feito uma denúncia às autoridades.

São sete com idades compreendidas entre os 36 e os 55 anos de idade, e foram constituídos arguidos.

Segundo as informações que o JN conseguiu recolher a Continental, situada em Lousado, Famalicão, terá desconfiado e decidiu denunciar o caso às autoridades. O Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Barcelos começou a investigar e concluiu que os suspeitos "ocultavam os pneus no sistema de logística/expedição", e conseguiam desviá-los durante a expedição.

Após cerca de sete meses de investigação os investigadores do NIC realizaram anteontem, cinco buscas domiciliárias e oito em veículos e apreenderam 46 pneus, no valor de 3500 euros, seis telemóveis, uma faca e cinco aerossóis de gás pimenta.

Ao que apuramos durante o tempo em que puseram em prática o esquema, a firma terá sido lesada em mais de 50 mil euros.

Os arguidos residem nos concelhos de Famalicão, Trofa e Guimarães.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG