PSP

Furtou carro a familiar, despistou-se alcoolizado sem carta e inventou sequestro

Furtou carro a familiar, despistou-se alcoolizado sem carta e inventou sequestro

Um homem, de 29 anos, foi detido pela PSP, em Rio de Mouro (Sintra), após se ter queixado de que havia sido sequestrado num carjacking tendo sido abandonado e a viatura roubada. Na verdade, tinha desviado o carro de um familiar e, sem carta e alcoolizado, despistou-se e danificou a viatura.

Segundo revelou a PSP, esta quinta-feira, na madrugada do dia 18 de novembro, o suspeito contactou a PSP para informar que teria sido vítima de roubo de viatura, crime alegadamente cometido por três indivíduos, os quais após ameaça com arma de fogo, o sequestraram no banco traseiro, abandonando-o e fugindo com viatura.

"Perante tal informação, foram acionados vários meios policiais de forma a socorrer a suposta vítima e a intercetar os alegados suspeitos. Após terem encontrado o homem, este foi transportado para a esquadra onde acabou por admitir que o crime denunciado era uma invenção sua, uma vez que havia furtado uma viatura de um familiar, tendo conduzido a mesma sem estar habilitado para efeito e sob o efeito de álcool, acabando por se despistar e embater com o veículo", refere a PSP.

O automóvel foi encontrado nas proximidades do local da ocorrência, com diversos danos, sendo restituído ao seu proprietário.

O homem foi detido por simulação de crime e foi ouvido no Tribunal Judicial de Sintra. Foi-lhe aplicada pena de multa de 120 dias, no valor total de 600 euros e sanção acessória de inibição de conduzir pelo período de seis meses.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG