Estado de emergência

GNR apanha condutores a "furar" confinamento em Esposende

GNR apanha condutores a "furar" confinamento em Esposende

A GNR apanhou, durante a tarde deste domingo, um elevado número de condutores a "furar" o confinamento, em Esposende.

Numa tarde de muito sol, muitos condutores aproveitaram para passear ao longo da marginal, tendo sido autuados na quantia mínima de 100 euros, incorrendo num crime de desobediência se entretanto forem novamente apanhados a circular sem motivos de força maior.

O local onde a GNR tem autuado mais automobilistas, na cidade de Esposende, é na zona do areal, em redor do castelo, mas esta tarde esteve ainda nas duas principais rotundas de acesso para este concelho, em Gandra e na Apúlia.

Na chamada Rotunda do Continente, em Gandra, foi onde se verificou maior número de situações flagrantes, detetando-se condutores oriundos das Estradas Nacionais 13 e 103, que ao serem mandados parar, não tinham justificação legal plausível para circular.

A maioria dos condutores vinha de outros municípios, alguns mesmo fora do distrito de Braga, só que tentavam "justificar" que ou não sabiam da proibição ou que sabendo, nunca iriam sair dos automóveis, mas apenas passarem de carro ao longo da estrada litoral.

Esta operação, do Destacamento Territorial da GNR de Barcelos, decorreu também em outros concelhos do distrito de Braga, não havendo ainda balanço final, mas os autos de contraordenação devido a não cumprimento do confinamento terão sido a maioria das situações detetadas por militares da GNR, embora tenha havido também vários casos de infrações rodoviárias.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG