Operação

GNR apreendeu na área de serviço de Antuã 200 mil cigarros

GNR apreendeu na área de serviço de Antuã 200 mil cigarros

A Unidade de Ação Fiscal (UAF) da GNR, através do Destacamento de Ação Fiscal de Coimbra, deteve na sexta-feira na A1, na área de serviço de Antuã, um homem, de 58 anos, por contrabando de tabaco e apreendeu 200 mil cigarros.

Em comunicado divulgado esta terça-feira, a DUAF sublinha que, no âmbito de uma ação de fiscalização rodoviária de caráter preventivo naquela área de serviço, "os militares da Guarda abordaram uma viatura que transportava 20 caixas que continham no seu interior os volumes de cigarros, verificando-se que não ostentavam a estampilha fiscal exigida para a sua comercialização em território nacional nem qualquer documento aduaneiro de acompanhamento, motivos que levaram à sua apreensão"

.No seguimento da ação foi ainda apreendida a viatura utilizada no transporte do tabaco, bem como uma arma branca, que estava na posse do suspeito.

O valor da mercadoria apreendida, após tributação legal, ascende aos 45 mil euros sendo que a introdução no consumo dos produtos apreendidos teria provocado uma fraude tributária no valor superior a 35 mil euros em Imposto Especial de Consumo e do IVA.

O detido foi constituído arguido, tendo os factos sido comunicados ao Tribunal Judicial de Coimbra.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG