Justiça

GNR deteta descargas ilegais de efluentes pecuários em Leiria

GNR deteta descargas ilegais de efluentes pecuários em Leiria

A GNR detetou duas pecuárias de Leiria a fazer descargas ilegais. Infratores foram identificados e incorrem em coima que pode chegar aos 144 mil euros.

O Comando Territorial de Leiria, através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Leiria, "detetou duas descargas ilegais de efluentes pecuários provenientes de duas explorações suinícolas nas localidades de Boieira e Amor, nos concelhos de Porto de Mós e Leiria", informou aquela força policial, em comunicado.

No decorrer de duas ações de policiamento, nos dias 7 e 8 de fevereiro, "os militares da Guarda detetaram, em duas situações distintas, descargas de efluentes pecuários a escorrer livremente para o solo, diretamente de um tubo de polietileno, sem qualquer tipo de mecanismo que assegurasse a sua depuração."

Foram identificados os autores das descargas "e elaborados dois autos de contraordenação por descarga de efluentes pecuários diretamente para o solo", cuja coima pode ascender aos 144 mil euros.

A informação foi remetida para a Agência Portuguesa do Ambiente, I.P. / Administração da Região Hidrográfica do Centro, acrescenta a nota da GNR.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG