GNR

Identificado por simular furto de 539 pneus de camião

Identificado por simular furto de 539 pneus de camião

O Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Barcelos identificou um homem de 44 anos por simulação de furto de 539 pneus de um camião.

O suspeito terá armazenado os pneus num armazém na Maia e em Campo Maior simulou ter sido furtado.

Segundo a GNR, a investigação começou na sequência de uma denúncia do furto de parte de uma carga de um camião, no passado dia 11, em Campo Maior, no concelho de Elvas. Após a denúncia, os investigadores conseguiram apurar que depois de ter carregado os pneus em Famalicão, o veículo deveria dirigir-se até Marrocos, mas o camionista parou num armazém, na Maia, onde "retirou e armazenou" parte dos pneus que transportava.

"Foi possível apurar ainda que, após seguir a rota estipulada, o suspeito efetuou uma paragem de descanso na zona de Campo Maior, onde simulou que parte da carga teria sido furtada naquela localidade sem que o mesmo se apercebesse", lê-se na informação da GNR.

A mercadoria alegadamente alvo de furto foi entretanto localizada num armazém na Maia e entregue à empresa proprietária. Os pneus furtados valiam 40425 euros.

O suspeito foi identificado e os fatos remetidos ao tribunal de Elvas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG