Premium

Incentivou mulher a prostituir-se para lucrar com massagens

Incentivou mulher a prostituir-se para lucrar com massagens

Um comerciante de 62 anos foi detido por agredir a companheira, 22 anos mais nova. Não aceitou o fim do relacionamento.

Um comerciante, de 62 anos, forçou a companheira, 22 anos mais nova, a manter relações sexuais, enquanto vivia maritalmente com ela. Também a incentivou a prostituir-se, com o intuito de aumentar proveitos económicos no salão de massagens que esta administrava no Porto.

Mas quando a vítima, há cerca de cinco anos, decidiu, colocar um ponto final na relação e abandonou a casa com o filho de ambos, o sexagenário, que gere um negócio em Paços de Ferreira, deu início a uma série de ameaças, perseguições e chantagens, que levaram a que, esta semana, fosse detido, naquela cidade, pela GNR de Penafiel.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG