Matosinhos

Droga sobrevoa cadeia de Custóias sem guarda nas torres

Parte da torre de vigia do estabelecimento prisional de Custoias

Foto Amin Chaar / Global Imagens

Recluso de Custóias encontra meia com droga e entrega-a na prisão. Um dia depois, guarda aposentado vê outro embrulho ser arremessado do exterior.

Duas meias contendo haxixe, dinheiro e carregadores de telemóvel foram arremessadas, na semana passada, para dentro da cadeia de Custóias, em Matosinhos. Aquela prisão tem a forma de quadrado, com uma torre de vigia em cada um dos vértices, mas todos esses postos têm estado inativos, por falta de guardas.