Moita

Apanhados em flagrante a furtar janelas em armazém

Apanhados em flagrante a furtar janelas em armazém

Três homens com idades entre os 16 e 38 anos foram apanhados em flagrante a furtar janelas de alumínio num armazém encerrado na Moita. A GNR foi alertada, na tarde de segunda-feira, por populares na Zona Industrial do Carvalhinho e apanhou os suspeitos a carregar os bens para uma carrinha.

A viatura foi apreendida, bem como seis janelas de alumínio e 60 peças de caixilharia que estavam no interior. Ao que foi possível apurar, o destino do material seria a venda em obras particulares de remodelação. A operação foi conduzida pelo Núcleo de Investigação Criminal do Montijo que contou com o apoio de militares dos postos de Alcochete e Moita.

Apesar de terem sido apanhados em flagrante delito, os suspeitos não foram detidos, apenas identificados pelos militares. A detenção e constituição de arguidos só terá lugar após apresentação de queixa formal pelo proprietário do armazém, alvo do assalto.

Ao JN, Ricardo Samoqueiro, comandante da GNR do Montijo, salienta a rápida resposta dos militares à denúncia. "Esta situação serve para aumentar o sentimento de segurança junto da população, mostrando que os militares estão prontos para intervir a qualquer momento na salvaguarda dos bens e da população".