Premium

Burlão tentou enganar Tony Carreira na compra de moradia

Burlão tentou enganar Tony Carreira na compra de moradia

Ex-emigrante interessado em investir no setor imobiliário pedia dinheiro para transferir fortuna bloqueada no Canadá. Músico percebeu engano a tempo.

Era conhecido como o "homem dos 200 milhões" e chegou a Faro há cerca de seis meses. Artur Vieira, de 65 anos, vinha do Canadá, onde esteve emigrado muitos anos. A todos fez acreditar que era um investidor imobiliário, prestes a receber 200 milhões de euros do Canadá, onde estavam retidos. E como pretendia reinvestir parte da sua fortuna, contactava imobiliárias, comerciantes e particulares a quem garantia estar interessado em comprar as suas casas ou negócios. Afinal, era tudo falso, o que levou a Judiciária de Faro a detê-lo por burla e falsificação.

Tony Carreira foi um dos alvos do suposto investidor, que se mostrou interessado numa moradia de luxo à venda no Algarve. E conseguiu fazer acreditar os representantes do cantor de que dispunha de capital e que iria mesmo adquirir o imóvel, à venda por 1,2 milhões de euros. Chegou a assinar contrato-promessa.