Palmela

Burlões tentaram sacar 400 euros a idoso no IC1

Burlões tentaram sacar 400 euros a idoso no IC1

A burla a condutores por falsos acidentes de viação levou, esta quinta-feira, a PSP de Lisboa a emitir um aviso às potenciais vítimas e, ao que o JN apurou, a prática já chegou à margem sul do Tejo.

Na zona de Palmela, um homem de 83 anos que circulava no IC1 foi alvo de tentativa de burla por três homens e uma mulher, que reclamaram 400 euros por alegados danos provocados no para-brisas por um projétil lançado do carro da vítima.

O condutor não pagou, tentou que o caso fosse tratado pelos seguros e autoridades, e acabou por seguir o seu caminho. O caso ocorreu na madrugada de terça-feira, pelas cinco horas da madrugada, no IC1, em Águas de Moura.

O homem seguia em direção a Setúbal, proveniente de Santiago do Cacém, para uma consulta de oncologia no hospital. De acordo com a sua neta, Débora Reis, que ao JN conta que não foi feita queixa nas autoridades, a viatura dos alegados burlões fez sinais luminosos para que o seu avô parasse na berma.

Aí, os três homens e uma mulher cercaram a viatura do idoso e alegaram que uma peça tinha saltado da viatura do homem e atingido o para-brisas do carro destes, partindo-o. Exigiram que o homem os ressarcisse em 400 euros pela reparação, mas este tentou que o sinistro fosse tratado pelos seguros ou pelas autoridades. Os quatro indivíduos negaram e o idoso acabou por seguir caminho sem pagar qualquer quantia quando referiu que ia para uma consulta médica no hospital.