Exclusivo edição impressa

Condenado a prisão por "enterrar" cadela viva

Condenado a prisão por "enterrar" cadela viva

O Tribunal de Grândola condenou Edmundo Ferreira, construtor civil, de 48 anos, a pena de prisão suspensa de um ano e quatro meses por crime de maus-tratos a animais de companhia.

Edmundo Ferreira nega as acusações e contesta a pena. "Só quero encontrar quem fez esta denúncia para perceber o que o levou a mentir", disse.

Leia mais na versão e-paper ou na edição impressa.

Conteúdo Patrocinado