O Jogo ao Vivo

Crime

Detido por violar duas mulheres numa casa devoluta em Gaia

Detido por violar duas mulheres numa casa devoluta em Gaia

Homem de 51 anos abordava vítimas em cantinas sociais e aproveitava-se da sua fragilidade para as levar para casa isolada onde as violava. PJ admite que possam existir mais vítimas.

O suspeito, sem qualquer ocupação ou profissão, com paradeiro incerto, foi detido pela Diretoria Norte da Polícia Judiciária por estar indiciado da prática de dois crimes de violação agravada, ocorridos no período compreendido entre os dias 13 e 30 de agosto de 2019, numa casa devoluta e isolada, na cidade de Vila Nova de Gaia.

Segundo um comunicado da PJ, "a investigação teve início com a apresentação recente de queixas, por parte de duas vítimas, que o agressor conheceu em cantinas de ação social".

"O suspeito ter-se-á aproveitado da fragilidade física, emocional e situação social de abandono, conseguindo atrair as vítimas para uma casa abandonada e ilicitamente ocupada pelo mesmo, onde, com recurso a força física e ameaças, as violou", acrescenta o comunicado.

A PJ admite que possam existir mais vítimas. O detido, com antecedentes criminais, irá ser apresentado a primeiro interrogatório judicial para aplicação de medidas de coação.