Investigação

Detidos três suspeitos de dezenas de furtos em Bragança e Viseu

Detidos três suspeitos de dezenas de furtos em Bragança e Viseu

A GNR identificou três homens por suspeita de serem os autores de 30 furtos em estabelecimentos comerciais em Bragança e Viseu.

Os suspeitos, com idades compreendidas entre 28 e os 37 anos, foram apanhados no âmbito de uma investigação que decorreu durante um ano e meio, por furtos em estabelecimentos comerciais, nos concelhos de Bragança e Viseu.

Segundo uma fonte da GNR, os militares deram cumprimento a 11 mandados de busca, dos quais seis em residências e cinco a veículos. Desta ação resultou a recuperação de diversos material supostamente furtado, no valor estimado em sete mil euros.

Entre os objetos apreendidos estavam 60 garrafas de bebidas alcoólicas; telemóveis, computadores portáteis, eletrodomésticos, material de som e imagem, produtos de higiene e alimentares. "Durante a apreensão do material ainda foi recuperado um veículo de alta cilindrada de matrícula espanhola, furtado em Madrid", referiu a mesma fonte.

Os detidos são suspeitos de furtos em cafés e associações, com particular interesse no furto de máquinas de tabaco, e em residências, sempre durante o período noturno. Também terão efetuado furtos em supermercados, durante o período diurno, subtraindo os artigos de forma dissimulada.

Os suspeitos foram constituídos arguidos, sendo que um deles já cumpriu pena de prisão efetiva em Espanha e os outros dois têm antecedentes criminais por furto e roubo. A operação contou com o empenhamento de 28 militares do Destacamento Territorial de Miranda do Douro.