Fafe

Espanca ex-mulher e sogra em plena procissão e em frente à GNR

Espanca ex-mulher e sogra em plena procissão e em frente à GNR

Um homem de 53 anos foi detido em flagrante pela GNR, em plena procissão das festividades da Senhora das Neves, na Lagoa, Fafe, por ter agredido a ex-mulher e a sogra, com as quais se cruzou.

As agressões aconteceram junto aos militares que faziam a segurança ao cortejo religioso, o que não impediu o homem de ter atacado violentamente a mulher, de 53 anos, com "socos e pontapés". A mãe desta, de 83 anos, ainda tentou defendê-la, mas acabou também por ser agredida.

Apesar de terem sofrido algumas escoriações e hematomas, nenhuma das mulheres necessitou de receber tratamento hospitalar. O homem foi detido de imediato e constituído arguido pelo crime de violência doméstica.

A procissão, bastante participada, antecede o dia principal da Festa da Senhora das Neves, à qual ocorrem milhares de romeiros de toda a região do Vale do Ave com o intuito de colocarem a imagem da santa na cabeça e com isso "afastar o Diabo" por um ano.

Ontem, o detido foi levado ao Tribunal de Guimarães onde um juiz de instrução lhe decretou, como medidas de coação, a obrigatoriedade de se afastar de ambas as vítimas, bem como de se apresentar semanalmente no posto de Fafe da GNR.

De acordo com um balanço efetuado ontem, este foi um dos seis homens detidos pelo crime de violência doméstica por aquela força de segurança no espaço de uma semana.