Premium

Ex-líder da Proteção de Crianças julgado por difamar família de menor

Ex-líder da Proteção de Crianças julgado por difamar família de menor

O ex-presidente da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Guimarães Pedro Ivo Lobo vai ser julgado por dois crimes de difamação agravada, por expressões utilizadas no relatório de um conflito parental em que é acusado de intervir, apesar de ser amigo do pai da criança.

O JN contactou Pedro Lobo e o seu advogado, que recusaram prestar declarações sobre o caso, com julgamento marcado para maio.

De acordo com o despacho de pronúncia, a que o JN teve acesso, o ex-líder da CPCJ foi o autor de um relatório em que é dito que mãe e avó da criança são "perigosas pela perversidade", e onde se acusa a mãe de ter utilizado o pai "como doador de esperma".