Almada

Ficava com reforma de idosos e emprestava-lhes dinheiro a 100% de juros

Ficava com reforma de idosos e emprestava-lhes dinheiro a 100% de juros

Uma idosa e o filho viviam em condições miseráveis, em Almada, por serem obrigadas a entregar as reformas a um homem, de 64 anos. O indivíduo, detido pela GNR, apenas lhes entregava pequenas quantias diárias, que tinham de pagar com um juro de 100%.

O homem insultava e ameaçava de morte as vítimas para que lhe entregassem mensalmente a pensão de reforma e uma de subsistência por invalidez.

Segundo a GNR, "as vítimas tinham de se deslocar diariamente até ao suspeito, de forma a receberem pequenas quantias de dinheiro para sobreviverem, quantias que ficavam em dívida e tinham de ser pagas com juros a 100%".

"Desta forma, os idosos extorquidos, viviam há cerca de 10 anos em condições deploráveis, sem fornecimento de água, luz ou gás, e com 20 cães no interior da habitação. A investigação, que durava há cerca de três meses, culminou com a detenção em flagrante delito do suspeito, imediatamente após ter recebido o dinheiro das vítimas", refere, em comunicado, o Comando Distrital de Setúbal da GNR.