Tráfico

Força aérea ajudou polícias ibéricas a deter lancha com 2,7 toneladas de haxixe

Força aérea ajudou polícias ibéricas a deter lancha com 2,7 toneladas de haxixe

Uma operação policial portuguesa e espanhola resultou na apreensão de 2,7 toneladas de haxixe na costa de Huelva, sul de Espanha, que tinha origem no norte de África, informou, esta segunda-feira, a Polícia Judiciária.

A operação, que contou com o apoio da Força Aérea e da Unidade Costeira da GNR, foi desencadeada no final de novembro, e iniciou-se após deteção pela Força Aérea Portuguesa de uma lancha rápida, em pleno Oceano Atlântico, que transportava a droga.

A lancha dirigiu-se, durante a noite, para a costa espanhola a fim de ali desembarcar a droga, que acabaria por ser apreendida pelas autoridades espanholas.

"Esta operação, à semelhança de outras realizadas, insere-se no esforço conjunto que autoridades portuguesas e espanholas vêm desenvolvendo coordenada e continuamente no sentido de se interditar a entrada de produtos estupefacientes na Península Ibérica, designadamente por via marítima", refere a PJ.

As investigações prosseguem a cargo da PJ e das autoridades espanholas.

ver mais vídeos